Darkmatter: Software espião negociado pelo Gabinete do Ódio é usado por ditaduras

Darkmatter: Software espião negociado pelo Gabinete do Ódio é usado por ditaduras

Software negociado pelo governo Jair Bolsonaro foi usado por ditaduras para monitorar jornalistas, políticos e defensores de Direitos Humanos durante a Primavera Árabe.

O software espião Darkmatter, negociado por integrante do chamado Gabinete do Ódio – que seria coordenado por Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ) – durante viagem da comitiva presidencial a Dubai, no ano passado, foi usado por ditaduras em regimes saudistas e nos Emirados Árabes para monitorar e silenciar opositores.

Fonte: https://revistaforum.com.br