Reino Unido alerta para risco de guerra cibernética

O Centro Nacional de Segurança Cibernética (NCSC) está pedindo para que organizações em todo o país reforcem sistemas de segurança e se preparem para uma potencial onda de ataques cibernéticos destrutivos vindos da Rússia. O alerta veio após agências governamentais e entidades corporativas ucranianas sofreram ataques como defacement de websites e malware para destruição de dados.

Fonte: site Bleeping Computer

O “BRATA”, descoberto em 2019, além de infectar dispositivos na América Latina

Malware bancário desenvolvido por brasileiros evolui com novos alvos e recursos

O “BRATA”, descoberto em 2019, além de infectar dispositivos na América Latina, agora ataca usuários no Reino Unido, Polônia e Itália. O malware possui a capacidade de monitorar continuamente aplicativos bancários, realizar o rastreamento por GPS de vítimas e resetar o dispositivo para as configurações originais de fábrica e apagar qualquer rastro logo após uma tentativa de transferência de valores não autorizada.

Fonte: site da empresa de segurança Cleafy

67% dos profissionais de TI aceitariam trabalhar fora da América Latina, mostra pesquisa

67% dos profissionais de TI aceitariam trabalhar fora da América Latina, mostra pesquisa

O Canadá ultrapassou os EUA como o destino mais desejado, seguido por Austrália, Alemanha e Reino Unido. O estudo realizado pelo Boston Consulting Group e The Network também aponta que 93% desses profissionais na região pretendem mudar de empresa nos próximos dois a três anos.

Fonte: site Convergência Digital

Reino Unido decide proibir aquisição da Giphy pelo Facebook

Reino Unido decide proibir aquisição da Giphy pelo Facebook

Segundo os reguladores britânicos, a compra da plataforma de imagens GIF pode reduzir a competição entre redes sociais e aumentar o já significativo poder de mercado do Facebook. A aquisição foi estratégica para a companhia, porque GIFs, comumente utilizados em conversas online para expressar reações, aumentam métricas de engajamento em plataformas sociais. As informações são do site Axios.

Fonte: https://www.axios.com

Brasil é o 3º país com crianças mais «viciadas» em tecnologia

Brasil é o 3º país com crianças mais «viciadas» em tecnologia

A forma como as crianças se divertem mudou drasticamente nas últimas décadas, desde o nascimento da era digital. O surgimento da tecnologia fez com que menos jovens saíssem de casa e mais usuários usassem seus dispositivos de tecnologia em ambientes fechados.

Conforme estudo realizado no Reino Unido, menos da metade das crianças brasileiras está seguindo diretrizes de exercícios ou tempo de tela recomendados. O resultado é um reflexo do uso da internet pela população brasileira em geral, que fica mais de 10 horas por dia navegando na web, o maior tempo entre as nações pesquisadas. O problema entre crianças é ainda maior nos Emirados Árabes Unidos e EUA, posicionados em primeiro e segundo lugar no ranking, respectivamente. Informações via o site Convergência Digital.

Fonte: https://www.convergenciadigital.com.br