Orientações para passageiros estilo Senhor dos Anéis

Companhia aérea lança o vídeo de segurança mais épico de todos

Air New Zealand criou filme baseado na terceira parte da trilogia de O Hobbit e conta com Elijah Wood (Frodo) e o próprio Peter Jackson

Você nunca mais vai acompanhar as instruções de segurança nos voos do mesmo jeito. A Air New Zealand, que se auto-denomina a “companhia oficial da Terra Média”, criou um vídeo tão inusitado quanto épico para mostrar as indicações de segurança aos passageiros nos voos. O filme usa elementos do último filme da trilogia de O Hobbit — A Batalha dos Cinco Exércitos — para transformar um anúncio chato e rotineiro em uma experiência divertida.

Em 2012, ano de lançamento do primeiro filme da saga, a companhia já havia produzido um vídeo semelhante, transformando os funcionários em habitantes da Terra Média. No ano passado, a empresa estampou uma imagem do dragão Smaug em uma de suas aeronaves para divulgar o segundo filme. Ainda em 2013, a ANZ fez uma campanha publicitária com o tema.

O filme conta com a participação de Elijah Wood, Peter Jackson, Sylvester McCoy, Dean O’Gorman e Richard Taylor. Confira abaixo.

A Terra não é redonda

Temos a ilusão que o planeta terra e redondo, um lindo planeta esférico e azul, mas se tiramos toda a água do planeta, veja o que sobra. Também é interessante verificar as temperaturas conforme o gráfico animado abaixo. é uma visão assustadora do planeta Terra sem as águas. Cientistas dizem que a Terra parece uma batata?

a terra não é redonda sem água

Uma animação divulgada pela agência espacial européia (ESA, na sigla em inglês) mostrou pela primeira vez a variação da força da gravidade na Terra e como ela deforma o planeta. A escala em que o modelo foi apresentado dá a impressão que a Terra é muito mais deformada do que é, na realidade, mas isso foi proposital, segundo os cientistas. Dados do satélite GOCE mostram como a gravidade afeta a Terra em diferentes partes do globo. A gravidade é mais forte nas áreas pintadas de AMARELO e diminui até as áreas pintadas em AZUL. A pesquisa irá auxiliar na compreensão do comportamento do planeta, marés e movimentos sísmicos.

“É apenas um modelo que aumenta a escala para destacar o que se quer mostrar. Se em vez de colocar nele a representação da gravidade, colocássemos a da altitude, os Andes apareciam como um calombo e o Oceano Pacífico como uma depressão”, explicou João Steiner, professor titular do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG).

A deformação parece tão grande porque foi feita um aumento de escala em uma direção apenas, a do raio da Terra.

“A altura dos Andes e do Pacífico são cerca de mil vezes menores do que o raio da Terra. Se você fizesse uma foto da Terra do espaço e multiplicasse por 100 a altura dos Andes e do Pacífico nessa direção, você começaria a enxergá-los pois eles passaram a ter 10% do raio da do planeta.”, conforme explica Steiner.

planeta sem água

Vida Artificial

Qual é a descoberta, ou invenção, que vai transformar a humanidade? Craig Venter, geneticista – Mapeou o DNA humano

Vida Artificial

Nós seremos capazes de criar DNA. Na verdade, eu e meus colegas já fizemos isso – nós fabricamos um cromossomo de bactéria em laboratório. No futuro, a humanidade vai projetar seres vivos para realizar tarefas específicas: microorganismos cujo único propósito seja fabricar combustível ou eliminar a poluição ambiental, por exemplo. O DNA é o resultado de 3,5 bilhões de anos de evolução da vida na Terra. O domínio sobre ele vai mudar nossa maneira de ver a vida. E a própria definição de vida.

“A ciência vai prolongar a juventude do cérebro – e os adultos serão capazes de aprender com a mesma facilidade das crianças.”

Alison Gopnik, psicóloga – Universidade de Berkeley

Vida Artificial

Aliens vivendo na Terra

Qual é a descoberta, ou invenção, que vai transformar a humanidade? por Paul Davies, físico – Universidade do Arizona

Aliens vivendo na Terra

Charles Darwin, 150 anos atrás, nos deu uma teoria convincente sobre a evolução. Mas a origem da vida continua sendo um dos maiores mistérios de todos os tempos.

Os cientistas estão convencidos de que todas as espécies têm a mesma origem e fazem parte de uma só linha evolutiva. Mas e se não tiver sido assim?

E se a vida na Terra tiver começado não uma, mas duas (ou várias) vezes? Eu acho bastante provável que o nosso planeta possua uma segunda biosfera, com criaturas que surgiram e evoluíram à parte das espécies que conhecemos; o produto de uma segunda gênese.

Esses organismos aliens podem estar em nichos onde a vida como a conhecemos não poderia existir, devido ao excesso de calor, frio, acidez ou outras variáveis. Também podem estar bem debaixo do nosso nariz – ou até dentro dele. E, se a vida pôde começar duas vezes na Terra, isso torna bem mais provável que exista também em outros lugares.

Descobrir a segunda biosfera nos daria propriedade para afirmar: não estamos sozinhos no Universo.

Aliens vivendo na Terra